Foto: Vinícius Schimdt/Metrópoles

Na noite desta quinta-feira (16/2), a Boca do Jacaré recebeu o duelo entre Brasiliense x Samambaia, válido pela quinta rodada do Candangão 2023. As equipes apresentaram um grande jogo dentro das quatro linhas, que terminou empatado em 2 x 2, consagrando os novos artilheiros da competição. Yuri Mamute marcou duas vezes para o time amarelo e Matheus Barboza devolveu com dois gols para o Cachorro Salsicha. Ambos os atletas dividem a artilharia com cinco tentos.

Jogo disputado

O primeiro tempo não deu respiro para quem estava em campo e na arquibancada. Com muita intensidade pelas pontas, as equipes revezavam ataques em velocidade. O Samambaia tinha mais posse, mas não conseguia converter em finalizações as boas chances que criou até os cinco minutos. O Jacaré por sua vez assustou na primeira vez que chegou. Caetano cruzou na medida para Luquinhas cabecear e Vavá fez a defesa.

Mesmo tocando bola até chegar na área, o primeiro arremate do Samambaia foi em uma bomba de Dharllyson de fora da área que passou por cima, aos 7’. A resposta amarela saiu aos 12 minutos. Tarta cobrou uma falta de longe, que foi desviada para fora por Vavá com a ponta dos dedos.

Aos 15 minutos, Lila atropelou Luquinhas dentro da área e o pênalti foi assinalado. Yuri Mamute foi para a cobrança e abriu o placar batendo forte no canto direito.

O gol só incendiou ainda mais o jogo. O Samambaia se lançou em construiu dois bons ataques. Aos 24’, Romário acertou um chutaço no ângulo que ficou na defesa de Artur. Cinco minutos depois, Caetano acabou desviando com a mão um cruzamento e novamente a marca da cal foi apontada. Matheus Barboza cobrou o pênalti no alto e deixou tudo igual. 1 x 1 no placar.

A intensidade se manteve, com chances lá e cá. Aos 33’, Zotti levantou uma falta na área e Railon desviou raspando a bola para fora. Dois minutos mais tarde, Romário respondeu para o Samambaia com um chute de fora, que parou em Artur. Logo depois foi a vez de Lila, que arriscou um chute desviado que por muito pouco não entrou no cantinho.

Aos 40 minutos, Yuri Mamute foi lançando entre os zagueiros, conduziu e bateu firme, mas em cima do goleiro Vavá. Logo depois, Tarta bateu rasteiro de fora, mas Vavá fez a defesa sem dificuldades.

Já nos acréscimos, o arqueiro do Jacaré tentou sair jogando com os pés e acabou perdendo a bola, que sobrou para Joãozinho tentar por cobertura e parar na boa recuperação de Railon. O último lance de perigo foi uma cabeçada de Aldo, de frente para o gol, que saiu pela linha de fundo.

Equilíbrio mantido

A mesma pegada foi mantida na volta para a segunda etapa. Logo com dois minutos, Yuri Mamute serviu Tarta na entrada da área, que limpou a marcação com um drible de corpo e bateu em cima do goleiro. Aos sete, Matheus Barboza saiu na cara do gol e bateu por cima, com desvio da defesa.

Com chutes de fora da área, o Jacaré tentou voltar à frente do placar duas vezes. A primeira com Tarta, aos 11 minutos. Depois na pancada de Yuri Mamute, com 15 jogados, mas ambas saíram por cima do travessão.

Aos 17’, Tarta cobrou falta que parou na barreira e sobrou para Yuri Mamute. O camisa 9 bateu consciente no cantinho para colocar o Jacaré de novo em vantagem e marcar seu quinto gol na competição, assumindo a artilharia da Competição.

Na altura dos 19’, Dharllyson recebeu o segundo amarelo e deixou o Cachorro Salsicha com 10 em campo. Mas a resposta da equipe foi com gol, aso 21 minutos. Felipe Alves avançou pela esquerda e cruzou para Matheus Barboza escorar e empatar. Quinto gol do atacante que que divide a artilharia com Mamute.

Com a vantagem numérica em campo, pela primeira vez no jogo uma equipe foi superior no jogo. O Brasiliense buscava o gol da vitória, mas esbarrava no ferrolho armado pelo adversário. Aos 29’, Diogo Sodré rabiscou em uma jogada individual e bateu no cantinho, mas Vavá espalmou para escanteio.

O Samambaia chegou só mais uma vez. Aos 32’, Matheus Barboza recebeu um cruzamento na área e testou no canto em cima de Artur. Três minutos depois, Luquinhas recebeu na marca do pênalti, girou e bateu para fora.

Antes do apito final, o Jacaré ainda teve oportunidades nas cabeçadas de Railon e Gustavo Henrique que saíram por cima, e no chute de fora de Aloísio, mas o 2 x 2 persistiu no placar.

BRASILIENSE 2 X 2 SAMAMBAIA

Candangão 2023 – primeira fase – quinta rodada

16/02/2023, 20h30 – Boca do Jacaré, Taguatinga-DF

Árbitro: Matheus Moraes

A1: Leila Cruz

A2: Kleber Alves

4º árbitro: Adriano Luiz

BRASILIENSE

Artur; Caetano, Railon, Gustavo Henrique e Goduxo (Aloísio); Aldo (Gabriel Henrique), Tarta e Zotti (Diogo Sodré); Luquinhas, Tobinha (Alvinho) e Yuri Mamute

Técnico: Luan Carlos

Cartões amarelos: Aldo e Goduxo

Gols: Yuri Mamute (18’ 1T, pênalti, e 17’ 2T)

TSAMAMBAIA

Vavá; Dharllyson, Preto Costa (Timm), Badhuga e Felipe Alves; Wallace, Lila e Cabralzinho; Joãozinho (Renato), Romário (Peppe) e Matheus Barboza (Giovanny)

Técnico: Luís dos Reis

Gols: Matheus Barboza (31’ 1T, pênalti, e 21’ 2T)

Cartões amarelos: Lila, Dharllyson, Wallace, Matheus Brandão e Peppe

Cartões vermelhos: Dharllyson

André Gomes/Brasiliense FC