Foto: Igo Estrela/Metrópoles

Na estreia do Candangão 2023, Brasiliense e Ceilândia se enfrentaram, na tarde deste domingo (29/1), no Abadião reeditando as duas últimas finais da competição. Assim como nas decisões, o Jacaré levou a melhor, dominando o adversário e aplicando 3 x 0 para começar bem a caminhada em busca do terceiro título seguido. Os gols foram marcados por Aldo, no primeiro tempo, Hernane Brocador e China (contra), na segunda etapa.

A equipe somou três pontos e começou liderando a classificação da competição.

O jogo

Brasiliense e Ceilândia já virou sinônimo de jogo pegado e disputado. Não foi diferente nesse primeiro encontro das equipes em 2023. Com muito contato físico e bolas longas como arma para ambos os ataques, o Gato Preto teve mais posse no começo, só o Jacaré finalizava com chutes de fora. O primeiro foi de Aldo, aos cinco minutos, que saiu por cima. Aos 11’, foi a vez de Zotti, que bateu mascado. Quatro minutos depois, Tarta também isolou a batida.

A partir dos 20 minutos, o Brasiliense passou a tomar controle da posse de bola, e criar chances mais claras. Em um cruzamento de Aloísio, Hernane Brocador cabeceou com muito perigo no gol. Aos 28’, em mais um levantamento do lateral-esquerdo do Jacaré, Aldo pegou de primeira um chute que bateu no gramado e morreu na rede. 1 x 0 no placar.

Após o gol, o Brasiliense controlou a vantagem, e só deu espaço nos acréscimos, quando China avançou pela esquerda e bateu cruzando buscando João de Deus, que não conseguiu completar a jogada.

Brasiliense fecha com goleada

A segunda etapa começou com domínio amarelo. Logo aos três minutos, Luquinhas foi lançado em velocidade às costas da defesa, mas bateu desequilibrado pelo lado esquerdo do goleiro Henrique, que entrou no intervalo no lugar de Matheus Kayser. Aos 12’, foi a vez de Alvinho invadir a área e bater cruzado para fora.

A equipe do Gato Preto não conseguia criar com a bola trabalhada, e a primeira chance na segunda etapa saiu de uma falta cobrada por Andrey, aos 17 minutos, que saiu por cima do gol. A resposta do Jacaré foi logo no minuto seguinte, quando Hernane Brocador ficou com a sobra de frente para o gol e bateu por cobertura para ampliar o placar. 2 x 0 Jacaré.

Com uma chuva forte na altura dos 20 minutos, o Ceilândia teve ainda mais dificuldades para jogar, e só conseguia assustar com chutes de fora, como o de Felipe Clemente que passou por cima do travessão.

Aos 33’, Tarta cobrou uma falta de longe no cantinho, que Henrique caiu e fez a defesa cedendo o escanteio. O próprio Tarta foi para a cobrança e contou com um desviou contra de China, para fachar a conta com um 3 x 0 no placar para o Brasiliense.

CEILÂNDIA 0 X 3 BRASILIENSE

Candangão 2023 – primeira fase – primeira rodada

29/01/2023, 15h45 – Abadião, Ceilândia-DF

Árbitro: Maguielson Lima

A1: Lucas Modesto

A2: Lehi Sousa

4º árbitro: Maricleber Goes

CEILÂNDIA

Matheus Kayser (Henrique); Wisley (Júlio Oliveira), Dudu, Fernandinho, Andrey e China; Geovane (Maycom Valeriano), Felipe Cirne, Milla (Felipe Clemente) e João de Deus; Americano (Paulo Renê)

Técnico: Adelson de Almeida

BRASILIENSE

Artur; Andrezinho (Caetano), Keynan, Railon e Aloísio; Aldo, Tarta e Zotti; Luquinhas (W. BalotellI), Alvinho e Hernane Brocador (Yuri Mamute)

Técnico: Luan Carlos

Gols: Aldo (28’ 1T), Hernane Brocador (18’ 2T) e Tarta (33’ 2T)

André Gomes/Brasiliense FC