Hernane Brocador marca duas vezes e o Brasiliense bate o Operário – Brasiliensefc.com.br
hernane-brocador-marca-duas-vezes-e-o-brasiliense-bate-o-operario

Hernane Brocador marca duas vezes e o Brasiliense bate o Operário

hernane-brocador-marca-duas-vezes-e-o-brasiliense-bate-o-operario

Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

Jogando no Abadião na tarde deste domingo (26/6), o Brasiliense Futebol Clube venceu o Operário-MT e se distanciou na liderança do Grupo A5 da Série D com 28 pontos somados. A vitória amarela veio de virada, com dois gols de Hernane Brocador. Nelsinho anotou o gol da equipe mato-grossense, que estacionou no quarto lugar, com 15 pontos na tabela.

O Jacaré volta a campo no próximo sábado (2/7), contra o Ação-MT, às 15h30, no Abadião.

Primeiro tempo

Mesmo jogando fora de casa, o Operário não se intimidou e tomou a iniciativa do jogo. Com um ritmo controlado com disputas no meio campo, a equipe do Mato Grosso chegou aos nove minutos com um chute de fora. Kaio colocou no ângulo esquerdo e Edmar Sucuri foi na bola para fazer uma ótima defesa. Aos 13’, Kaio Cristian cobrou falta e a bola saiu perto da meta amarela.

A equipe do Jacaré tinha dificuldades de criar, e só chegou aos 15 minutos. Tobinha carregou pelo meio e bateu da entrada da área e a bola saiu rente a trave.

O Operário pressionava, mas esbarrava na marcação, e o chutes de longa distância eram a arma adotada. Aos 24’, em uma falta ensaiada, Hadriel recebeu e emendou para fora. Dois minutos depois, Badhuga falou na reposição de bola, Valter Júnior deu o bote e ajeitou para Nelsinho bater colocado sem chance de defesa para Edmar Sucuri. 1×0 no placar.

O jogo tomou um ritmo mais lendo após o gol, e as últimas jogadas de ataque da primeira etapa foram construídas pela equipe do Jacaré. Aos 38’, Izael Santos desviou uma cobrança de escanteio contra o próprio gol e Hadriel tirou em cima da linha. No minuto seguinte, Zotti levantou na cabeça de Hernane Brocador, que antecipou a marcação no primeiro poste e desviou para o fundo da rede.

Brocador decide

O início da segunda etapa foi totalmente dominada pelo Brasiliense. A equipe teve três chances seguidas de virar o placar. Hernane Brocador com dois chutes fracos que pararam na defesa de Ariel, e Felipe Gegoz, que bateu cruzado e o arqueiro do Operário caiu para ficar com a bola.

Aos 13’, Tarta fez uma boa jogada costurando a defesa e bateu fraco no meio do gol. Quatro minutos mais tarde, a bola sobrou para Tarta na entrada da área e o volante bateu de primeira um chute com efeito que bateu na parede da rede pelo lado de fora.

O Jacaré não deixava o adversário respirar, e enfileirava ataques perigosos. Aos 20’, Cabralzinho arriscou e Ariel fez a defesa. Com 25 jogados, Hernane Brocador serviu Felipe Godoz dentro da área, que finalizou por cima do gol. Cinco minutos depois, Gedoz levantou para a área e Badhuga carimbou o travessão na cabeçada.

O último lance de perigo do jogo resultou na virada do Jacaré. Andrezinho recebeu na ponta e cruzou na medida para Hernane Brocador cabecear no contra pé de Ariel e garantir a vitória amarela no Abadião. Fim de jogo: 2×1 para o Brasiliense.

BRASILIENSE 2 X 1 OPERÁRIO

Série D – fase de grupos – décima primeira rodada

25/06/2022, 15h30 – Estádio Abadião, Ceilândia-DF

Árbitro: Lucas Guimarães Rechatiko Horn-RS

A1: Lehi Sousa-DF

A2: Cássia França-DF

4º árbitro: Leandro Damas-DF

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Andrezinho, Keynan, Badhuga e Aloísio; Tarta, Aldo (Cabralzinho) e Zotti (Gabriel Henrique); Tobinha (Felipe Gedoz), Luquinhas (Daniel Alagoano) e Hernane Brocador (Romarinho)

Técnico: Celso Teixeira

Gols: Hernane Brocador (39’ 1T e 32’ 2T)

Cartões amarelos: Aldo, Gabriel Henrique e Felipe Gedoz

OPERÁRIO

Ariel; Marcelinho (Olívio), Michel, Izael Santos e Kaio Cristian; Igor (João), Nelsinho e Kaio; Hadriel, Valter Júnior (Giovani) e Josuelton

Técnico: Luciano Dias

Gols: Nelsinho (26’ 1T)

Cartões amarelos: Hadriel, Nelsinho e Josuelton

André Gomes/Brasiliense FC