Com um empate, Brasiliense conquista a classificação na Série D – Brasiliensefc.com.br
com-um-empate-brasiliense-conquista-a-classificacao-na-serie-d

Com um empate, Brasiliense conquista a classificação na Série D

com-um-empate-brasiliense-conquista-a-classificacao-na-serie-d

Foto: Vinícius Schimdt/Metrópoles

Jogando pela classificação à próxima fase da Série D, o Brasiliense Futebol Clube enfrentou o Goianésia, na tarde deste sábado (4/9), no Estádio Valdeir de Oliveira. Empatados com a mesma pontuação (20 pontos), o Jacaré, quarto colocado no Grupo A, só precisava de um empate para garantir a vaga, e foi justamente o resultado final do jogo. O Azulão abriu o placar logo no inicio do jogo, com Raphael Soares, mas o esquadrão amarelo buscou a igualdade no placar na segunda etapa, e conseguiu com um gol de Tobinha, que fez uma excelente partida.

Agora o adversário do Jacaré na próxima fase será a Ferroviária-SP, primeira colocada no Grupo A6. O duelo de ida do mata-mata será no próximo sábado (11/9), na Boca do jacaré, ainda sem horário definido.

Primeiro tempo

A equipe da casa iniciou o jogo comandando as ações ofensivas. O Brasiliense até tinha a posse de bola, mas o Goianésia neutralizava o ataque amarelo e respondia em contra golpes rápidos. Logo com um minuto, Anderson Sobral ajeitou de cabeça para o meio da área e Allef finalizou de bicicleta pela linha de fundo. Dois minutos depois, na tabelinha, Raphael Soares recebeu cara a cara com Sucuri e bateu firme para abrir o placar.

O gol fez o Azulão do Vale se lançar ainda mais ao ataque. Aos seis minutos, Kallyl carregou pela esquerda e finalizou de fora, mas Edmar Sucuri foi no cantinho e pegou. Aos 14’, o Goianésia aplicou um bombardeio, mas a defesa do Jacaré foi sólida para anular as jogadas.

Na primeira, Thiago Rubim bateu de longe e Sucuri desviou para escanteio. Na cobrança, Rubim apareceu novamente para cabecear no cantinho e o arqueiro do Brasiliense se esticou para fazer a defesa. No lance seguinte, Raphael Soares tentou cruzar e mandou direto para o gol, mas Sucuri não foi surpreendido e tocou pela linha de fundo.

O Goianésia passou a cozinhar o jogo e administrar a vantagem, e o Jacaré só chegou aos 40 minutos, mas com muito perigo e por pouco não foi para o intervalo com o empate. Em uma cobrança de falta de Peu direto para o gol, Luan espalmou para o meio e Gustavo Henrique finalizou por cima. Aos 44’, Tobinha fez bela jogada individual pela direita e bateu cruzado. A bola saiu pela linha de fundo raspando a trave. Fim do primeiro tempo: 1×0.

Brasiliense chega ao empate e conquista a classificação

Na segunda etapa, foi o Brasiliense que iniciou com pressão no campo de ataque. Aos três minutos, Balotelli lançou Tobinha para dividir com Luan, que se atrapalhou e o atacante do Jacaré ganhou na linha de fundo, mas finalizou desequilibrado e sem ângulo para fora. Quatro minutos mais tarde, Tobinha recebeu novamente em velocidade nas costas da defesa, mas dessa vez bem posicionado bateu no cantinho para empatar o jogo.

Melhor na partida, o esquadrão amarelo quase chegou à virada em duas cobranças de falta. Na primeira, aos 12 minutos, Peu fuzilou de longe, e o goleiro Luan fez a defesa com dificuldades cedendo o escanteio. Depois, aos 24’, Zé Love ajeitou a bola em uma falta na lateral e bateu direto. Luan com um tapinha de leve evitou o gol do artilheiro do amor.

Aos 28’, o Azulão chegou pela primeira vez no segundo tempo. João Celeri cabeceou, Sucuri rebateu e a zaga afastou. Aos 42’, em um contra golpe, Zé Love recebeu na direita e bateu cruzado uma bola que levou muito perigo ao gol de Luan. No minuto seguinte saiu o lance derradeiro da partida. João Celeri invadiu a área e bateu firme, mas Sucuri fez a defesa da classificação do Brasiliense para a próxima fase da Série D.

GOINÉSIA 1 X 1 BRASILIENSE

Série D 2021 – Fase de grupos – décima quarta rodada

04/09/2021, 16h – Estádio Valdeir de Oliveira, Goianésia-GO

Árbitro: Adriano de Assis Miranda-SP

A1: Cristhian Passos Sorence-GO

A2: Edson Antônio Sousa-GO

4º árbitro: Gabriel dos Santos Queiroz-GO

GOIANÉSIA

Luan; Ygor (Alemão), Tiburcio (Wellington), Allef, Anderson Sobral (Brumati) e Raphael Soares; Renato, Kallyl e Zizu; Thiago Rubim (João Lucas) e Marcos Paulo (João Celeri)

Técnico: Ariel Mamede

Gols: Raphael Soares (3’ 1T)

Cartões amarelos: Marcos Paulo, Ygor, Renato, Alemão

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Ferrugem (Sandy), Badhuga, Gustavo Henrique e Peu; Aldo, W. Balotelli e Zotti (Didira); Tobinha (Jorge Henrique), Maicon Assis (Luquinhas) e Zé Love

Técnico: Luan Carlos

Gols: Tobinha (7’ 2T)

Cartões amarelos: Badhuga, Gustavo Henrique, Jorge Henrique

André Gomes/Brasiliense FC