Brasiliense goleia o Jaraguá e volta a vencer dentro da Série D – Brasiliensefc.com.br
brasiliense-goleia-o-jaragua-e-volta-a-vencer-dentro-da-serie-d

Brasiliense goleia o Jaraguá e volta a vencer dentro da Série D

brasiliense-goleia-o-jaragua-e-volta-a-vencer-dentro-da-serie-d

Foto: Vinicius Schmidt/Metrópoles

O Brasiliense Futebol Clube reencontrou o caminho da vitória na tarde deste domingo (18/7). Jogando fora de casa, no Estádio Amintas de Freitas, o Jacaré encarou o Jaraguá, pela sétima rodada do Grupo A5 da Série D. A equipe amarela foi superior nas duas metades do jogo, e com gols de Tobinha (2x), Zotti e Zé Love, goleou os donos da casa e voltou a ter o gosto de um triunfo após três jogos.

O resultado leva o Jacaré para a quarta colocação do grupo, com 11 pontos, fechando o turno na zona de classificação para a segunda fase. O Jaraguá segue na lanterna, com apenas um ponto somado.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo sábado (24/7), às 15h, na Boca do Jacaré.

Jacaré começa mal, mas domina a primeira etapa

Jogando organizado na defesa, o Jaraguá dificultou a progressão do futebol do Brasiliense, que não conseguia criar com qualidade e apostou no chute de fora sem muito perigo de Peu para chegar ao gol nos primeiros minutos. A equipe da casa entendendo suas limitações ofensivas, esperava os espaços, e também usou o tiro de longe com Renato Xavier para computar a primeira finalização aos dez minutos.

Com 11 jogados, o Jaraguá construiu uma boa jogada de pé em pé. Caio ajeitou para Murilo, que pegou de primeira para colocar no ângulo esquerdo, mas Matheus Brandão fez bem a defesa espalmando para escanteio.

Quando o Jacaré encaixou seu jogo de toque de bola envolvente, o placar saiu do zero. Aos 13’, Alan Mineiro na cavadinha encontrou Zé Love dentro da área. O camisa 9 ajeitou na medida para Tobinha cabecear e estufar a rede. 1×0 Brasiliense.

O Jaraguá só deu uma resposta após o gol aos 22 minutos. Em uma falta frontal, Irlan bateu forte com muito efeito, o que dificultou a boa defesa de Matheus Brandão. No minuto seguinte o Jacaré ampliou. Em um passe milimétrico, Alan Mineiro lançou Zotti, que invadiu a área, driblou o goleiro e tocou com classe para fazer o segundo.

Com domínio amarelo, o terceiro gol estava perto, e a equipe criou inúmeras chances antes do intervalo. Aos 35’, Zé Love cobrou uma falta com muita força, mas em cima do goleiro Martinho, que desviou para o lado. Com 38 minutos, Tobinha avançou pela direita e tocou para Zé Love, que chegou sozinho por trás da defesa, mas não pegou bem na bola na hora da finalização.

Aos 41’, foi a vez de Zé Love servir Tobinha mais uma vez, que entrou na área e bateu cruzado. Martinho faz a defesa com os pés e levou o placar de 2×0 para o intervalo.

Brasiliense fecha a conta com mais dois

A segunda etapa começou a todo vapor para o Jacaré. Aos três minutos, Tobinha foi lançado em velocidade pela direita, invadiu a área e foi derrubado pelo goleiro Martinho. A penalidade foi marcada e Zé Love foi para a cobrança. Com uma batida forte, rasteira e no cantinho, o artilheiro do amor anotou seu sexto gol na competição em seis jogos. 3×0 Brasiliense.

Na primeira descida do Gavião da Serra a equipe também ganhou uma penalidade a favor. Aos nove minutos, Peu usou o braço para evitar a progressão de Caio, e o árbitro Paulo José Mourão marcou a infração. Com muita semelhança ao pênalti cobrado por Zé Love, Renato Xavier foi para abola, mas Matheus Brandão foi com convicção no canto para fazer a defesa.

Após as penalidades, pouco era produzido por ambas as equipes. Apesar do domínio do esquadrão amarelo, o jogo foi se arrastando com um perde e ganha concentrado no meio campo. Somente aos 22 minutos o jacaré conseguiu construir outra jogada de perigo. Alan Mineiro da entrada da área bateu rasteiro e a bola saiu rente a trave direita.

Após os 31 minutos, o Jacaré aplicou uma blitz sufocante. Em um bate rebate dentro da área, Tobinha ficou com a sobra e bateu meio desequilibrado. Martinho evitou o gol com o pé direito. Três minutos depois, o goleiro do Jaraguá não teve o que fazer para evitar o quarto. Tobinha dominou na entrada da área e soltou o pé no ângulo esquerdo. A bola ainda tocou a trave antes de morrer no fundo do gol.

Aos 38’, Zé Love bateu uma falta rasteira, a defesa afastou mal e Jorge Henrique pegou a sobra na cara do gol, mas finalizou em cima do goleiro. Nos acréscimos, Milton Júnior fez uma excelente jogada na linha de fundo e rolou para Badhuga bater da marca do pênalti, mas a defesa tirou evitando o que seria o quinto gol da goleada amarela. Fim de jogo, Brasiliense 4×0 Jaraguá.

FICHA TÉCNICA

JARAGUÁ 0 X 4 BRASILIENSE

Série D 2021 – Fase de grupos – sétima rodada

18/07/2021, 15h – Estádio Amintas de Freitas, Jaraguá-GO

Árbitro: Paulo José Mourão-MA

Assistente 1: Paulo César Ferreira-GO

Assistente 2: Roberto Pereira-GO

Quarto Árbitro: Victor Lucas Pereira-GO

JARAGUÁ

Martinho; Murilo, Vinicius, Café (Kaique) e Eduardo (Renato Moreira); Irlan, Thiago Pina e Caio (Wilker); Renato Xavier, Nilsinho e Felipe Tavares (Danilo)

Técnico: Coutinho

Cartões amarelos: Martinho, Vinicius, Irlan, Danilo

Cartões vermelhos: Coutinho

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Diogo, Badhuga, Preto Costa e Peu (W. Balotelli), Aldo, Sandy (Maicon Assis), Zotti (Milton Júnior) e Alan Mineiro (Didira); Tobinha (Jorge Henrique) e Zé Love

Técnico: Vilson Tadei

Gols: Tobinha (13’ 1T e 34’ 2T), Zotti (23’ 1T), (Zé Love 5’ 2T, pênalti)

Cartões amarelos: Peu

André Gomes/Brasiliense FC