Candangão retorna com clássico entre Brasiliense e Gama – Brasiliensefc.com.br
candangao-retorna-com-classico-entre-brasiliense-e-gama

Candangão retorna com clássico entre Brasiliense e Gama

candangao-retorna-com-classico-entre-brasiliense-e-gama

Foto: André Gomes/Brasiliense FC

Após 18 dias de paralisação, em decorrência do lockdown decretado pelo GDF para combater o avanço da Covid-19, o Candangão 2021 terá bola rolando novamente. Nessa quarta-feira (31), Brasiliense e Gama fazem no Estádio Defelê o clássico verde e amarelo de número 65 na história. O jogo mais esperado da primeira fase é válido pela terceira rodada da competição. As equipes entram em campo às 15h30.

Apesar do mando de campo ser da equipe do Gama, o jogo foi realocado para o Defelê pois o Estádio Bezerrão está recebendo as futuras instalações do no Hospital de Campanha de Brasília.  Ao longo da história do maior clássico da capital, o Jacaré leva vantagem. A equipe amarela tem 22 vitórias, contra 21 do adversário. O placar terminou com igualdade em 21 encontros.

Preparação

Com o período de pausa nos jogos oficiais, o Jacaré teve tempo para trabalhar o condicionamento físico dos atletas, especialmente dos recém chegados, como é o caso do meia-atacante Jorge Henrique, que pode fazer sua estreia com o manto amarelo.

Nas duas primeiras partidas, quando venceu o Luziânia por 4×0 e o Samambaia por 4×2, Vilson Tadei mandou a campo uma equipe alternativa, descansando boa parte dos atletas campeões da Copa Verde. Para o jogo contra o Gama, a equipe terá força quase que total.

No departamento médico, Preto Costa, que se recupera de um desconforto na coxa, e Elifran, em fase final de recuperação após cirurgia no joelho, estão vetados para o jogo. O meia Didira, a mais recente contratação do Jacaré, está aprimorando a forma física para então ficar à disposição de Tadei.

Transmissão

A Rádio e TV Brasiliense terá a transmissão dividida com o portal Metrópoles. Para acompanhar a partida basta acessar um dos canais no YouTube. O streaming terá Esdra Alves na narração, Ramon Villar nos comentários e imagens de José Ricardo.

Arbitragem

Com as alterações de datas, a FFDF também mudou o quadro de arbitragem das perdidas. Rodrigo Raposos foi substituído por Maguielson Lima Barbosa. Nas bandeirinhas, Lucas Modesto foi mantido, mas agora ele será acompanhando por Milton Jerônimo Souza, e não mais por Lehi Silva. O quarto árbitro Adriano Neri também foi mantido na escala.

Relacionados

Ao todo, 22 atletas foram convocados pela comissão técnica. São eles:

Goleiros: Edmar Sucuri e Fernandes;

Zagueiros: Badhuga, Gustavo Henrique e Keynan;

Laterais: Diogo, Mário Henrique e Peu.

Meias: Carlos Eduardo, Lídio, Milton Júnior, Peninha, Sandy e W. Balotelli;

Atacantes: Jefferson Maranhão, Jorge Henrique, Luquinhas, Maicon Assis, Michel Platini, Rodrigo Fumaça, Romarinho e Zé Love.

André Gomes/Brasiliense FC