De virada, Brasiliense vence e avança às semifinais da Copa Verde – Brasiliensefc.com.br
de-virada-brasiliense-vence-e-avanca-as-semifinais-da-copa-verde

De virada, Brasiliense vence e avança às semifinais da Copa Verde

de-virada-brasiliense-vence-e-avanca-as-semifinais-da-copa-verde

Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

Em uma tarde chuvosa deste domingo (07/02), o Brasiliense Futebol Clube bateu mais uma vez a equipe do Atlético-GO e carimbou a vaga nas semifinais da Copa Verde. A equipe do Dragão saiu na frente no primeiro tempo, mas com uma segunda etapa cirúrgica, o esquadrão amarelo buscou a virada e saiu do gramado da Boca do Jacaré com uma excelente vitória por 3×1.

O Dragão iniciou melhor a partida, e contou com o desvio de Badhuga para abrir o placar aos seis minutos. Com uma postura diferente na segunda etapa, o Jacaré começou a reação com um golaço de Zé Love, cobrando falta. Com duas assistências de Tobinha, para Luquinhas e Sandy, a equipe amarela fechou a conta, e somou 5×2 no placar agregado.

Agora a equipe candanga espera o desfecho do duelo entre Cuiabá e Vila Nova, que jogam nessa segunda-feira (08/02), para conhecer seu adversário na próxima fase da competição. O primeiro jogo das semis deve acontecer no próximo dia 13/02.

Atlético inicia melhor

Diferente do jogo de ida, que teve um ritmo acelerado apar as duas equipes desde os primeiros minutos, o começo do duelo de volta se desenhou com o Atlético buscando o ataque e o Jacaré fechando bem os espaços. Na primeira oportunidade do Dragão, aos seis minutos, Chico escapou pela direita e bateu cruzado. Badhuga tentou fazer o corte, mas tocou a bola contra a própria meta, abrindo o placar para os visitantes.

Aos nove minutos, o Atlético criou duas chances de ampliar o placar. Na cobrança de escanteio de Chico, a bola sobrou para Michel emendar de primeira e cima de Edmar Sucuri. No rebote, Danilo Gomes finalizou e o arqueiro do Jacaré apareceu mais uma vez para evitar o gol.

Com Peu, cobrando falta aos 23 minutos, o Brasiliense conseguiu seu primeiro chute a gol. O Dragão respondeu três minutos mais tarde, com o chute de Gabriel Baralhas que parou mais uma vez na boa defesa de Edmar Sucuri. O Atlético pressionava no ataque, e teve oura boa chance com Vitor Leque, aos 28 minutos.

Aos 31’, o árbitro Ivan da Silva Guimarães expulsou Ronald de Peu, após um desentendimento entre os atletas. Chico, em duas oportunidades, quase ampliou a vantagem. Na primeira, aos 38 minutos, o meia arriscou de longe e a bola saiu pela direita. Na segunda, ele cobrou escanteio direto para o gol, Sucuri fez a defesa e a bola ainda tocou no travessão antes da defesa afastar.

Jacaré preciso

O segundo tempo foi morno até os 10 minutos, quando Zé Love cobrou uma falta frontal na gaveta para fazer um golaço empatando o jogo. 1×1 no placar.

Após o gol, o jogo seguiu sem emoções por mais 10 minutos. Quando o Jacaré chegou mais uma vez, a virada aconteceu. Tobinha recebeu pela direita e lançou na medida para Luquinhas mergulhar e fazer 2×1. Quarto gol do atacante em três jogos na competição.

A entrada de Tobinha no jogo mudou a postura do Jacaré. O meia deu velocidade à equipe, e faz outra ótima jogada, dessa vez pela esquerda, cruzando para Sandy chegar de cabeça e ampliar o placar para o esquadrão amarelo, aos 31 minutos.

Aos 33’, a equipe do Dragão chegou a sua primeira finalização na etapa complementar. Chico fez o levantamento e Arnaldo cabeceou para fora. 10 minutos mais tarde, Peninha experimentou de longo e Gabriel Bernard caiu para fazer a defesa.

O Dragão ainda teve duas ótimas chances de encostar no placar. Aos 45’, na cobrança de escanteio, Gilvan cabeceou firme a bola saiu com muito perigo. Depois, aos 47’, Kevin recebeu cara a cara o Edmar Sucuri, mas finalizou em cima do goleiro.

Controlando a vantagem, o Jacaré esperava o tempo passar e não se arriscava. Com o 3×1, a equipe da casa garantiu a classificação para as semifinais da Copa Verde.

FICHA TÉCNICA

BRASILIENSE 3 X 1 ATLÉTICO-GO

Copa Verde –  Quartas de final – Jogo de ida

07/02/2021, 15h30, Boca do Jacaré – Taguatinga, Distrito Federal

Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Junior-AM

A1: Marcos Santos Vieira-AM

A2: Anne Kesy Gomes de Sa-AM

4º árbitro: Luiz Paulo Aniceto-DF

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Diogo, Badhuga, Keynan e Peu; Aldo (Radamés), W. Balotelli e Zotti (Sandy); Luquinhas (Peninha), Zé Love (Tobinha) e Jefferson Maranhão (Maicon Assis)

Técnico: Vilson Tadei

Gols: Zé Love (10’ 2T), Luquinhas (21’ 2T) e Sandy (31’ 2T)

Cartões amarelos: W. Balotelli, Aldo e Mayco Tadei

Cartões vermelhos: Peu

ATLÉTICO-GO

Gabriel Bernard; Arnaldo, Gilvan, Michel (Atanasio) e Carlos Henrique; Oliveira, Gabriel Baralhas (Kevin), Chico e Danilo Gomes; Ronald e Vitor Leque (Rian Lopes)

Técnico: Eduardo de Souza

Gols: Badhuga (06’ 1T, contra)

Cartões amarelos: Gabriel Baralhas e Oliveira

Cartões vermelhos: Ronald

André Gomes/Brasiliense FC