Cuidado, Barcelona: gigantes europeus têm sido surpreendidos em copas europeias – Brasiliensefc.com.br
cuidado-barcelona-gigantes-europeus-tem-sido-surpreendidos-em-copas-europeias

Cuidado, Barcelona: gigantes europeus têm sido surpreendidos em copas europeias

Nesta quinta-feira (21/1), o poderoso Barcelona, dono de 26 títulos espanhóis, 30 Copas do Rei e cinco Champions League, enfrenta o modesto Cornellà, da terceira divisão espanhola, pela terceira fase do torneio mata-mata espanhol. Com craques do Gabarito de Lionel Messi, Antoine Griezmann e Frenkie de Jong, entre outros, o time comandado por Ronald Koeman não deve enfrentar maiores problemas para vencer a pequena equipe também da Catalunha, certo? Não é o que tem sido visto até aqui.

Seja pelo calendário apertado, consequência da pandemia de coronavírus, ou pelo simples fato de que as grandes equipes costumam usar as copas nacionais para rodar o elenco, o mês de janeiro tem reservado algumas zebras nesses torneios.

O próprio Cornellà protagonizou uma dessas surpresas ao eliminar o Atlético de Madrid, líder do Campeonato Espanhol, na segunda rodada da Copa do Rei. Para a partida, realizada no último dia 6, o técnico Diego Simeone poupou alguns dos seus principais atletas. Entre eles: Jan Oblak, Koke, Kieran Trippier, Marcos Llorente, Mario Hermoso, Thomas Lemar e Luis Suárez. No entanto, atletas de nível internacional como Joao Felix, Angel Correa e Saúl estavam em campo, mas não conseguiram evitar a derrota por 1 x 0.

Outro gigante a ter ficado pelo meio do caminho em sua copa nacional foi ninguém menos que o Bayern de Munique, atual campeão europeu, alemão e também da Copa da Alemanha. Com cinco titulares em campo, os poderosos bávaros empataram no tempo regulamentar em 2 x 2 com o Holstein Kiel, da 2ª divisão alemã. Nos pênaltis, porém, a equipe de Hansi-Flick, que não era eliminada na segunda fase do torneio desde 2001, foi superado pelo humilde adversário.

E o último gigante que fez feio em uma Copa, até o momento, foi a Roma. E bota feio nisso! O time da capital italiana, quarto lugar no torneio nacional, perdeu para o 13º Spezia por 4 x 2, mas mesmo que tivesse vencido, não avançaria para as quartas de final do torneio devido a uma lambança: o técnico Paulo Fonseca fez seis substituições na partida, uma a mais que o permitido pela Federação Italiana.

E para finalizar com chave de ouro, o poderoso Real Madrid, maior campeão espanhol e europeu, foi eliminado nessa quarta-feira (20/1) para o Alcoyano, time da 3ª divisão espanhola. A derrota já está sendo tratada como um dos maiores vexames da história do vitorioso clube merengue.

Portanto, em uma temporada tão atípica, o peso da camisa só tem contado até a página dois. E voltando ao Barcelona, vale lembrar que a equipe vem de derrota na final da Supercopa da Espanha para o Athletic Bilbao e também não poderá contar com seu maior craque, Lionel Messi, suspenso por dois jogos devido a uma expulsão.

O post Cuidado, Barcelona: gigantes europeus têm sido surpreendidos em copas europeias apareceu primeiro em Metrópoles.