Com show do aniversariante Luquinhas, Brasiliense vence e avança na Copa Verde – Brasiliensefc.com.br
com-show-do-aniversariante-luquinhas-brasiliense-vence-e-avanca-na-copa-verde

Com show do aniversariante Luquinhas, Brasiliense vence e avança na Copa Verde

com-show-do-aniversariante-luquinhas-brasiliense-vence-e-avanca-na-copa-verde

Foto: Orlando Albuquerque/ Esp. Metrópoles

O Brasiliense Futebol Clube garantiu sua classificação para as quartas de final da Copa Verde ao vencer a Luverdense por 2×1, na tarde deste domingo (24/01). A importantíssima vitória teve um gosto especial para um jogador. O atacante Luquinhas completou 30 anos no dia de hoje, e foi dele os dois gols que garantiram o Jacaré na próxima fase da competição regional.

A primeira etapa foi bem aberta, com chances clara para ambas as equipes e todos os gols saíram antes do intervalo. Luquinha inaugurou o marcador com 20 minutos de jogo, ao completar o ótimo cruzamento de Jefferson Maranhão. A Luverdense chegou ao empate cinco minutos depois, na cobrança de Pênalti de Leo Goteira. Aproveitando mais um belo passe, dessa vez de Zé Love, Luqinhas limpou a marcação e bateu no cantinho para fechar a conta.

O esquadrão amarelo agora aguarda o jogo entre Sinop e Atlético-GO para conhecer seu próximo advérsario na competição.

Início equilibrado

Mesmo com os problemas com o elenco, a Luverdense não quis esperar e tomou a iniciativa, mas o Jacaré estava muito bem taticamente, anulando a equipe da casa. Essa foi a tônica do jogo nos 10 primeiros minutos, que não teve grandes chances.

Quando a Luverdense chegou pela primeira vez, Edmar Sucuri levou a melhor. Aos 13 minutos, Maycon recebeu pela direita e bateu cruzado. O chute pegou efeito e o arqueiro do Jacaré apareceu bem para fazer a defesa. No rebote, Rubinho emendou para fora.

Luquinhas, o aniversariante artilheiro

O esquadrão amarelo respondeu rapidamente. Com 17 jogados, Peu arriscou e a bola saiu pelo lado direito. Logo depois, aos 20 minutos, ao aniversariante Luquinhas recebeu um belo cruzamento de presente de Jefferson Maranhão e só empurrou a bola para o fundo do gol, abrindo o placar no Passo das Emas.

A equipe da casa não se intimidou com o gol, e foi em busca do empate. Aos 23’, Robertinho arriscou, a bola desviou na defesa e tocou no travessão. No lance seguinte, Rubinho foi derrubado na área e Fabio Santos de Santana assinalou o pênalti. Leo Goteira foi para a cobrança e empatou a partida.

Inspirado, Luquinhas não deixou o jogo empatado por muito tempo. Aos 29’, Zé Love tocou na medida para o atacante driblar o marcador e tocar no cantinho para colocar o Jacaré novamente em vantagem.

Viva no jogo, a equipe da Luverdense continuou em cima logo após ter sofrido o segundo gol. Aos 41’, Maycon bateu cruzado e bola saiu pertinho do gol. No minuto final, Leo Goteira recebeu na frente e bateu colocado. Edmar Sucuri, bem posicionado, caiu para fazer a defesa.

Segundo tempo equilibrado

Luqinhas voltou para a segunda etapa ainda com fome de gol. Com menos de um minuto, ele foi lançado e finalizou em cima de Gabriel Felix. O Jacaré chegava com mais volume.  Aos oito jogados, Keynan cabeceou a bola na cobrança de escanteio e mais uma vez o goleiro ganhou a jogada.

O ritmo do jogo era ditado pelo Jacaré, que criava com bastante facilidade. Com 15 minutos, Peu alçou a bola na área, Jefferson Maranhão desviou e Aldo quase chegou para fazer o terceiro. Luquinhas estava impossível, comandando o ataque amarelo. Aos 19’, ele dominou na cabeça da área, limpou o lance e bateu rasteirinho. A bola bateu no pé da trava antes de sair pela linha de fundo.

Controlando o jogo, o Brasiliense tirava os espaços da equipe adversária, e se lançava no contra-ataque. A equipe da casa até conseguia criar, mas era usando o recuar da finalização de fora. Primeiro, aos 33’, Murilo Rusalem arriscou por cima. O último lance de perigo no jogo saiu aos 38, na cobrança de falte de Rubinho, que se perdeu pela linha de fundo.

O Brasiliense manteasse equilibrado taticamente nos minutos finais e controlou o resultado. A Luverdense não tinha poder de reação, e viu ao apito final o placar marcar 2×1, sacramentando a classificação da equipe amarela.

FICHA TÉCNICA

LUVERDENSE 1 X 2 BRASILIENSE

Copa Verde –  Oitavas de final – Jogo único

24/01/2021, 17h, Estádio Municipal Passo das Emas – Lucas do Rio Verde, Mato Grosso

Árbitro: Fabio Santos de Santana-AC

A1: Roseane Amorim da Silva-AC

A2: Mario Jorge Ferreira Lima Junior-AC

4º árbitro: Jean M. Latorraca Ferreira-MT

LUVERDENSE

Gabriel Felix; Robertinho, Lucão, Kadu (Alan Fabrício) e Murilo Rusalem; Jean, Leo Campos (Abuda) e Rubinho; Leo Goteira (Lucas Caetano), Lucas Lima e Maycon (Isac)

Técnico: Donizeti

Gols: Leo Goteira (25’ 1T, pênalti)

Cartões amarelos: Leo Campos e Lucão

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Diogo, Badhuga, Keynan e Peu; Bruno Lima, Aldo (W. Balotelli) e Zotti (Peninha); Luquinhas (Tobinha), Zé Love (Rodrigo Fumaça) e Jefferson Maranhão (Carlos Eduardo)

Técnico: Vilson Tadei

Gols: Luquinhas (20’ 1T e 29’ 1T)

Cartões amarelos: Aldo, Rodrigo Fumaça e Bruno Lima

Cartões vermelhos: Luquinhas