Veja como estão joias brasileiras há pouco mais de um ano do Mundial sub-17 – Brasiliensefc.com.br
veja-como-estao-joias-brasileiras-ha-pouco-mais-de-um-ano-do-mundial-sub-17

Veja como estão joias brasileiras há pouco mais de um ano do Mundial sub-17

Há pouco mais de um ano, o Distrito Federal era uma das sedes do Mundial sub-17. As jovens promessas do Brasil desfilaram seu talento no estádio Bezerrão, palco da final diante do México, no dia 17 de novembro. Veja como estão alguns daqueles jovens craques que conquistaram a competição em cima dos mexicanos.

Lázaro
O atacante do Flamengo brilhou na final contra o México. O jogador entrou no segundo tempo e marcou o gol do título, na virada por 2 x 1, aos 47 minutos da etapa final. O avante foi pouco acionado no time principal do rubro-negro desde a decisão do Mundial.

O jogador voltou a ser cogitado no elenco de cima quando o clube foi acometido por um surto de Covid-19. Em um de seus poucos momentos no time titular, o jovem atacante jogou no empate com o Palmeiras por 1 x 1 no Allianz Parque, no primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Hoje, Lázaro, de 18 anos, é observado por olheiros de clubes europeus. Porto, PSG e Real Madrid são equipes que estão de olho no jovem talento. O avante tem contrato até 2025 com o rubro-negro e multa estipulada em 80 milhões de euros.

Kaio Jorge
O atacante do Santos é titular absoluto no time de Cuca. Autor do primeiro gol na final do Mundial, o centroavante vem se destacando no Peixe na temporada. Com a saída de Eduardo Sasha, o jovem passou a ser referência na equipe de Cuca.

O auge do momento do santista foi no meio de semana, quando o Santos venceu o Grêmio por 4 x 1 e avançou às semifinais da Libertadores. O camisa 17 marcou dois gols e foi o grande nome da partida.

Gabriel Verón
O melhor jogador do Mundial é titular no Palmeiras. Depois de sofrer com lesões, o atacante voltou a se destacar sob o comando de Abel Ferreira no alviverde. Hoje comanda a ponta direita do time paulista e é uma das apostas do Porco para as conquistas da Libertadores, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Com uma infância difícil, Verón foi comparado a Neymar pelo treinador português e é um dos maiores ativos do clube de Palestra Itália.

João Peglow
Um dos destaques da Seleção Brasileira na competição internacional, o jovem de apenas 18 anos vem sendo utilizado no time de cima do Internacional. Mas recentemente, o meia teve um episódio ruim na curta carreira.

O meia perdeu o pênalti que desclassificou o Inter na Libertadores. Na última cobrança contra o Boca Juniors, o garoto isolou a cobrança, que culminou com a eliminação do Colorado no torneio. Mas o jovem já mostrou personalidade para dar a volta por cima e deve ser um dos principais nomes do time gaúcho nos próximos anos.

Talles Magno
O atacante do Vasco também fez um bom Mundial. Na final, acabou ficando no banco de reservas. Hoje luta com o  time carioca contra a queda na Série B no Campeonato Brasileiro.

O post Veja como estão joias brasileiras há pouco mais de um ano do Mundial sub-17 apareceu primeiro em Metrópoles.