Palmeiras e São Paulo revelam mais que rivais e base vira protagonista – Brasiliensefc.com.br
palmeiras-e-sao-paulo-revelam-mais-que-rivais-e-base-vira-protagonista

Palmeiras e São Paulo revelam mais que rivais e base vira protagonista

Santos e Corinthians sempre foram pioneiros na revelação de grandes jogadores e do uso de atletas da base em seus elencos. Mas nos últimos anos, Palmeiras e São Paulo não ficaram para trás e, em 2020, colhem os frutos do trabalho nas categorias inferiores e os jovens atletas se tornaram protagonistas em ambos os elencos.

Garotada do Morumbi

Protagonista da atual temporada do futebol brasileiro, o São Paulo mudou sua mentalidade e passou a explorar mais os jogadores da base no time principal. Um dos pontos positivos do trabalho de Fernando Diniz é o protagonismo dos jovens atletas na equipe de cima.

Na defesa, o goleiro promoveu o jovem Diego Costa à dupla de zaga do Tricolor. Titular absoluto, o defensor já causou dor de cabeça em nomes como o atacante Jô, do Corinthians, e os rubro-negros Gabriel e Bruno Henrique. Com boa saída de bola, é peça-chave no esquema de Diniz.

No meio, o volante Luan também vem se destacando. Gabriel Sara e Igor Gomes são as válvulas de escape do time de Diniz, ao lado do veterano Daniel Alves.

E no ataque, Brenner é o grande destaque do time na temporada. Algoz do Flamengo na Copa do Brasil, o avante incomoda as defesas adversárias: já marcou 17 gols e é o artilheiro do time no ano. O atacante subiu para a equipe principal há três anos, mas só agora passou a ganhar mais oportunidades e é uma das armas do líder do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Copa do Brasil.

Meninos do Allianz

O Palmeiras também vem colhendo os frutos ao apostar no desenvolvimento das categorias de base. Vale destacar que a aposta na garotada foi um dos poucos destaques do trabalho de Vanderlei Luxemburgo no time paulista. A utilização dos jovens foi uma das exigências do clube na chegada do veterano técnico.

Mas apesar do começo promissor no início do ano, os garotos não tiveram uma sequência e acabaram no banco de reservas. O trabalho de Luxa acabou e o interino Andrey Lopes voltou a utilizar os jogadores. Nomes como Danilo e Wesley ganharam mais oportunidades e colocaram o Palmeiras em um patamar acima do que estava com o “professor”.

Gabriel Menino pode ser considerado o jovem com mais regularidade no elenco do alviverde. O polivalente jogador atua tanto na lateral-direita como cai como volante em diversos momentos das partidas. A boa sequência na temporada rendeu convocações para a Seleção Brasileira.

Titular com Luxemburgo, Patrick de Paula acabou perdendo espaço após uma sequência ruim de partidas. Mas com o surto de Covid-19 que acometeu o elenco, o volante ganhou sequência e voltou a ser importante para a equipe. Porém, o meio-campista sofreu uma lesão contra o Athletico-PR e só volta a jogar ano que vem.

Quem também ganhou oportunidades com Abel foi Ferreira foi o volante Danilo. O jovem desarma como poucos e faz bem a saída de bola, tornando-se em pouco tempo a referência na marcação da equipe, com a lesão de Felipe Melo.

E o talento fica mesmo no ataque. Wesley fez boas partidas com Vanderlei Luxemburgo, mas acabou indo parar no banco de reservas. Com o “Cebolismo”, apelido dado ao futebol praticado com Andrey Lopes, o atacante voltou a brilhar. Mas assim como Patrick de Paula, o atacante se lesionou e só volta no próximo ano.

Recuperado de uma série de lesões que o atrapalharam, Gabriel Verón é a dose de talento no ataque do alviverde. O jovem, destaque das seleções de base, é a aposta do time para a sequência da temporada. Na última partida diante do Delfín, pela Libertadores, Verón foi o nome da partida com dois golaços e Abel Ferreira chegou a compará-lo com Neymar.

A juventude palmeirense é uma aposta para o restante da temporada. O time corre por fora na briga pelo título do Campeonato Brasileiro, está nas quartas de final da Libertadores e enfrenta o América-MG na semifinal da Copa do Brasil.

O post Palmeiras e São Paulo revelam mais que rivais e base vira protagonista apareceu primeiro em Metrópoles.