Marta, cadê você? Quem são as três mulheres indicadas a Melhor do Mundo – Brasiliensefc.com.br
marta-cade-voce-quem-sao-as-tres-mulheres-indicadas-a-melhor-do-mundo

Marta, cadê você? Quem são as três mulheres indicadas a Melhor do Mundo

O Fifa The Best premiará nesta quinta-feira (17/12) a melhor jogadora de futebol do mundo. Concorrem neste ano a atacante Dinamarquesa Pernille Harder, a lateral inglesa Lucy Bronze e a zagueira francesa Wendie Renard. Conheça um pouco mais deste trio de mulheres que concorre ao prêmio de melhor da temporada.

Lucy Bronze

A inglesa de 29 anos defende atualmente o Manchester City e é a melhor jogadora da Inglaterra na atualidade. A lateral estava no Lyon e retornou ao time inglês. Em 2018/19, a Uefa elegeu Bronze como a melhor jogadora da temporada.

A lateral começou a carreira no Everton, clube de seu país natal. Foi no time inglês que Bronze passou a atuar na lateral-direita, de onde não saiu mais e passou a se destacar na posição. A jovem jogadora ganhou em nível técnico e passou a compor as convocações das seleções de base da Inglaterra.

Do Everton, Bronze pulou para o Liverpool. Em 2013 o time era pioneiro no futebol feminino. Nos Reds, a lateral foi eleita a melhor jogadora do campeonato inglês pela primeira vez. Do Liverpool, a inglesa foi para o Manchester City e conquistou a Champions League feminina nos Citizens. No City, Lucy Bronze foi eleita a melhor do campeonato inglês pela segunda vez, agora na temporada 2015/16.

Após o City, Bronze atraiu a atenção do Lyon. E no clube francês veio a consagração no futebol. Bronze marcou o gol da temporada na Women’s Champions League contra seu ex-clube, o Manchester City. No Lyon, a inglesa conseguiu o feito de conquistar o prêmio de melhor jogadora de 2018 pela BBC como a primeira defensora na história da premiação.

No Lyon, Bronze conquistou duas Champions League e retornou ao City em setembro de 2020. Agora, a lateral de 29 anos concorre ao prêmio de melhor jogadora da temporada no Fifa The Best.

Wendie Renard

A zagueira francesa tem “apenas” cinco títulos de Champions League no currículo. A defensora de 1,87 de altura venceu a principal competição entre clubes no futebol feminino nas temporadas de 2011/12, 2015/16, 2016/17 e 2018/19.

A jogadora de 28 anos defende atualmente o Lyon, onde é capitã. O time da França é uma das principais potências da modalidade feminina. Renard conquistou a incrível marca de 14 taças do Campeonato Francês.

Pela alta estatura, Renard tem uma marca notável de gols na carreira. Em 370 jogos com a camisa do Lyon, Wendie Renard já foi às redes 116 vezes. Com a camisa da França foram 122 partidas e 25 gols marcados.

Pernille Harder

A atacante dinamarquesa é a favorita a levar o prêmio. A avante do Chelsea conquistou por duas vezes o título de melhor jogadora da UEFA e agora concorre ao Fifa The Best. Com faro de gol apurado, Harder deixou seu rastro de artilheira pelos clubes onde passou.

A jogadora de 27 anos começou a carreira no Linkoping, da Suécia. Pelo time sueco, onde atuou por cinco anos, marcou 40 gols em 43 jogos. Somente na última temporada na Suécia, Harder anotou a marca impressionante de 24 tentos em 20 partidas e começou a entrar no radar de várias potências da Europa.

O talento para ir às redes fez com que o Wolfsburg levasse à jovem para a Alemanha. No time alemão, a atacante logo mostrou a que veio e marcou 23 gols em 20 jogos. Na temporada 2018, Harder marcou 38 vezes em 33 compromissos pelo Wolfsburg. Ao todo foram 105 gols em 114 partidas, o que fez com o Chelsea desembolsasse uma fortuna para contar com a dinamarquesa em seu elenco.

O time inglês quebrou o recorde de valores em uma transferência no futebol feminino. Os blues desembolsaram 336 mil euros, valor equivalente a R$ 2,1 milhões, na cotação à época, de acordo com o jornal The Guardian.

O post Marta, cadê você? Quem são as três mulheres indicadas a Melhor do Mundo apareceu primeiro em Metrópoles.