Caiu o primeiro! Coritiba demite Barroca após derrota para o Corinthians – Brasiliensefc.com.br
caiu-o-primeiro-coritiba-demite-barroca-apos-derrota-para-o-corinthians

Caiu o primeiro! Coritiba demite Barroca após derrota para o Corinthians

Um dia após a derrota para o Corinthians, o Coritiba decidiu demitir nesta quinta-feira (20/8) o técnico Eduardo Barroca e o diretor de futebol Rodrigo Pastana, que comandava o setor há quase dois anos. O clube paranaense ainda não definiu o nome do substituto de ambos. Também saíram o auxiliar Felipe Lucena e o preparador físico Anderson Gomes.

“O Coritiba agradece aos profissionais pelos serviços prestados ao clube e deseja sucesso na continuidade de suas carreiras”, informou o clube, em comunicado. O Coritiba avisou que no domingo, contra o Red Bull Bragantino, pela quinta rodada do Brasileirão, o time será comandado pelo auxiliar técnico Mozart.

Barroca deixa o clube após a derrota por 3 x 1 para o Corinthians, sofrida na noite de quarta, em São Paulo. O novo tropeço deixou a equipe paranaense na última colocação da tabela, sendo a única que ainda não pontuou no campeonato. Em quatro jogos, foram quatro derrotas, com um saldo negativo de cinco gols. Vale ressaltar que no duelo contra o time paulista, Barroca perdeu um jogador logo aos 15 minutos do primeiro tempo, quando Yan Sasse foi expulso.

Contratado no início do ano, o técnico já vinha sob pressão desde o último tropeço, diante do Flamengo, por 1 a 0. O treinador foi alvo de uma reunião da diretoria, que resolveu dar nova chance para o duelo contra o Corinthians. O Coritiba também vinha de decepções em outras competições. Na Copa do Brasil, o time não passou da primeira fase e, no Estadual, foi batido pelo rival Athletico-PR na final.

O primeiro de muitos

Barroca é o primeiro técnico demitido neste Brasileirão 2020, mas certamente não será o último. Ele durou apenas quatro jogos no comando da equipe de volta à elite do futebol, algo que tem sido corriqueiro no Nacional.

Em 2019, somente três equipes mantiveram seus treinadores até o final da competição: Grêmio, Santos e Bahia. Foram 24 trocas de treinadores ao longo das 38 rodadas, inclusive no time campeão, o Flamengo, que se desfez de Abel Braga e contratou Jorge Jesus com o campeonato em andamento.

O post Caiu o primeiro! Coritiba demite Barroca após derrota para o Corinthians apareceu primeiro em Metrópoles.