Brasiliense perde para o Goiás e está eliminado da Copa Verde 2019 – Brasiliensefc.com.br
brasiliense-perde-para-o-goias-e-esta-eliminado-da-copa-verde-2019

Brasiliense perde para o Goiás e está eliminado da Copa Verde 2019

brasiliense-perde-para-o-goias-e-esta-eliminado-da-copa-verde-2019

O Brasiliense foi até a cidade de Goiânia enfrentar o Goiás, pelo duelo do jogo da volta das oitavas de final, na busca do sonho de continuar adiante na Copa Verde 2019. Mesmo criando oportunidades de gol, a equipe amarela acabou sendo derrotada por 4 a 1, com três gols do meia Renatinho, que conseguiu furar a forte defesa do Jacaré e ajudar o esmeraldino goiano na classificação e consequentemente encerrando a temporada do Jacaré no ano de 2019.

Balde de água fria e dois gols no final da primeira etapa

Na busca para impor um ritmo de jogo forte fora de casa, o Brasiliense entrou em campo a todo vapor, na busca em chegar ao gol de forma rápida. Logo no primeiro lance da partida, o ataque do Jacaré já deu trabalho, quando Lúcio, chegou pelo lado direito e cruzou na cabeça do Jobson, que de costas, cabeceou para boa defesa de Marcelo Rangel.

A partir dos 10 minutos, o jogo se equilibrou. O Goiás, querendo reagir chegou com perigo pela primeira vez, quando Kevin dominou pela esquerda e finalizou, fazendo a bola passar próximo a trave do gol do Jacaré.

Em uma intensidade alta, as duas equipes buscavam as oportunidades para abrir o placar. Enquanto o Goiás atacava de um lado, o Brasiliense respondia com boas criações de jogadas, tanto com Jobson, quanto com Edno, que não tinham sucesso nas finalizações.

Quando tudo se encaminhava para um fim de primeiro tempo em 0 a 0, o Brasiliense acabou tomando um grande banho de água fria, quando em um intervalo de 10 minutos, tomou dois gols praticamente no mesmo estilo. Aos 39 minutos, Renatinho recebeu a bola pelo lado esquerdo, entrou na área e bateu forte no canto de Edmar Sucuri.

Se segurando de qualquer jeito na marcação, o Jacaré foi envolvido pela velocidade ofensiva do esmeraldino e acabou tomando o segundo gol, marcado por Marcinho, que de fora da área, mandou de chapa rasteiro no canto, deixando o Goiás com uma grande vantagem para a segunda etapa.

Apesar da pressão do Jacaré, Goiás consolida classificação

Com duas modificações, quando colocou Michel Platini e Romarinho, nos lugares de Sacconi e Aldo, o Brasiliense seguiu no mesmo ritmo e pressão sobre o Goiás, para diminuir a desvantagem. As tentativas de jogadas pelas pontas viravam o ponto forte das melhores oportunidades do Jacaré, que não eram convertidas.

O Goiás, se sentindo mais à vontade em campo, principalmente pelo placar construído no primeiro tempo, construía as jogadas através dos erros do Jacaré, assim chegando ao terceiro gol. Aos 14 minutos, Renatinho recebeu excelente cruzamento rasteiro na marca do pênalti, ampliando o resultado.

Mesmo desanimado, o Jacaré tentava uma pequena reação para manter vivo o sonho da classificação e até conseguiu um gol três minutos depois, quando Badhuga aproveitou o rebote de Marcelo Rangel e marcou o primeiro gol do Brasiliense na partida.

A partir daí, o time do DF, além de enfrentar a desvantagem de dois gols, tinha que jogar contra o tempo. No motivo que o cronômetro ia rodando, a equipe amarela tentava criar jogadas de perigo para diminuir mais ainda o placar e quase conseguiu, quando Lúcio cabeceou para fora uma grande oportunidade criada pelo China, que cruzou com maestria.

Aproveitando o nervosismo dos adversários, o Goiás, em mais uma jogada rápida conseguiu chegar ao quarto gol em cobrança de pênalti cometido no atacante Kaio. Na bola, Renatinho bateu de cavadinha e confirmou a classificação, marcando seu terceiro gol na partida, fechando o placar em 4 a 1.

Autor do gol, zagueiro Badhuga lamenta: “Nos precipitamos”  

Triste pela eliminação, Badhiuga, apesar do gol marcado, avaliou o desempenho da equipe na partida. “Nossa equipe estava bem, mas nos precipitamos, tomamos os fortes contra-ataques deles e tomamos esses gols que nos eliminaram da Copa Verde. Faltou mais tranquilidade na nossa equipe e fomos envolvidos nos momentos, que foram prejudiciais para nós”, ressaltou o zagueiro.

Fim da temporada 2019 para o Jacaré

Com a eliminação da Copa Verde, o Brasiliense encerra sua temporada no ano de 2019 de forma precoce. Ainda não se sabe qual será o planejamento da equipe para o ano de 2020, mas a diretoria trabalhará nos próximos dias, visando os objetivos para a temporada que chega, tendo em vista que disputará quatro competições, assim como esse ano: Candangão, Copa do Brasil, Copa Verde e Campeonato Brasileiro da Série D.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 4 X 1 BRASILIENSE

Copa Verde 2019 – oitavas de final – jogo de volta

21/08/2019, 16h, Estádio Hailé Pinheiro, Goiânia-GO

Público: 490 pagantes

Renda: R$ 5.895,00

Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior/AM

A1: Alexsandro Lira de Alexandre/AM

A2: Anne Kesy Gomes de Sá/AM

4º árbitro: Anderson Ribeiro Gonçalves

GOIÁS

Marcelo Rangel, Kevin, Iago Mendonça, Alan e Daniel; Gilberto Jr., Léo Sena (Geovane), Renatinho e Marcinho; Rafael Moura (Ricardo Verza) e Kaio (Giovanny Bariani).

Técnico: Lauro Martins

Cartões amarelos: Kevin

Cartões vermelhos:

Gols: Renatinho (39’ 1T/14’ e 40’ 2T), Marcinho (45’ 1T)

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Gabriel, Lúcio, Badhuga e China; Aldo (Romarinho), Ives, Sandy, e Deyvid Sacconi (Michel Platini); Jobson (Elcarlos) e Edno.

Técnico: Ricardo Antônio

Cartões amarelos: Aldo e Sandy

Gol: Badhuga (17’ 2T)

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Lucas Bolzan

Jornalista BrasilienseFC.com.br