Em território goiano, Jacaré empata jogo-treino contra o Atlético-GO – Brasiliensefc.com.br
em-territorio-goiano-jacare-empata-jogo-treino-contra-o-atletico-go

Em território goiano, Jacaré empata jogo-treino contra o Atlético-GO

em-territorio-goiano-jacare-empata-jogo-treino-contra-o-atletico-go

Seguindo o “tour goiano” nesta semana, o Brasiliense entrou em campo na tarde desta sexta-feira (05), no Centro de Treinamento do Dragão, em Goiânia, para enfrentar os profissionais Atlético-GO. Em uma partida equilibrada e com várias oportunidades a favor do Jacaré, a partida terminou empatada em 1 a 1, com Bustamante abrindo o placar no início do segundo tempo, em cobrança de pênalti, e Preto Costa, de cabeça, igualando o resultado na reta final de jogo.

Diferente do time que começou a partida contra o Goiás, o Jacaré entrou em campo com: Edmar Sucuri, Tony, Lúcio, Badhuga e Gleissinho; Aldo, Sandy, Almir e Fabinho; Edno e Jobson. Dentro de campo, a equipe amarela mostrou uma boa intensidade, tocando a bola e criando boas oportunidades ofensivas, mas sem lances de perigo e emoções, tanto para o Brasiliense, quanto para o Atlético-GO, terminando a primeira etapa em 0 a 0.

No segundo tempo, com outra base, o treinador Ricardo Antônio mudou a equipe, colocando: Edmar Sucuri, Welton Felipe, Preto Costa e Peninha; Emerson Martins, Radamés, Tchô e Manteiga; Maikon Leite e Michel Platini.

Com a mudança, a defesa acabou sendo surpreendida no início do segundo tempo. Aos 35 segundos, Welton Felipe acabou cometendo pênalti, cobrado por Bustamante, que fez 1 a 0 para o Atlético-GO. A partida daí, o jogo ficou intenso. Querendo o empate, o Brasiliense começou a criar boas jogadas, principalmente pelas pontas.

Continuando a pressão, o Jacaré insistia nas jogadas de velocidade e aos 19 minutos, Tchô perdeu uma grande oportunidade, após Maikon Leite chutar forte, o goleiro defender e no rebote, o meia mandar pela linha de fundo.

A pressão teve resultado aos 24 minutos, quando saiu o gol de empate. Após jogada ensaiada, Preto Costa subiu mais alto que a marcação e mandou para o fundo da rede, igualando o marcador.

Na reta final da partida, com as duas equipes buscando o gol da vitória, fez a partida ficar mais movimentada. O Jacaré, com mais volume de jogo, até pressionou, chegando mais duas vezes com perigo, mas acabou sendo impedida pela defesa do time goiano, assim encerrando a partida com o resultado em 1 a 1.

No final da partida, o técnico Ricardo Antônio analisou positivamente o desempenho da equipe e principalmente a postura dos dois times no empate. “Entramos com uma postura diferente e suportamos o adversário. Por mais que eles não estavam com o time principal, mas enfrentamos uma equipe qualificada. Jogamos de forma equilibrada os dois tempos, com os dois times e no fim, saímos com esse resultado. Tivemos principalmente atenção, coisa que nos faltou no último amistoso, mas avalio o desempenho de forma positiva”, ressaltou.

Antes da estreia contra o Vitóri/ES, na Copa Verde, o Jacaré terá mais alguns testes amistosos. Na próxima quarta-feira, a equipe enfrentará os juniores do Formosa-GO, em local e horário a ser definido.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Lucas Bolzan

Jornalista BrasilienseFC.com.br