Home » Notícias » 2017 & Campeonato Candango

2017 Campeonato Candango
Brasiliense e Ceilândia vencem e vão decidir o Candangão 2017
Ian Ferraz / Metrópoles.com
23/04/17 - 18h20
Rafaela Felicciano / Metrópoles.com

Brasiliense e Ceilândia vão disputar a final do Candangão 2017. As equipes venceram seus compromissos neste domingo (23/4), contra Sobradinho e Paracatu, respectivamente, e voltam a decidir o campeonato local após sete anos. Em 2010, o Gato Preto levou a melhor sobre o Jacaré.

No Mané Garrincha, o Brasiliense superou o Sobradinho por 4 x 1. Somando o triunfo da primeira partida da semifinal, acumulou 6 x 2 no placar agregado. O Ceilândia, por sua vez, encontrou mais dificuldades. Precisou virar sobre o Paracatu, no Abadião, por 2 x 1, para carimbar a vaga na decisão do campeonato pelo segundo ano consecutivo. O jogo de ida, no interior mineiro, terminou empatado em 1 x 1.

MAIS SOBRE O ASSUNTO
Finalistas do Candangão 2017 serão conhecidos neste domingo (23/4)
Souza decide e Brasiliense bate Sobradinho no jogo de ida da semifinal
Disputa pela final do Candangão 2017 tem início nesta quinta (20/4)
As finais do Candangão 2017 serão disputadas no Mané Garrincha nos dias 29 de abril e 6 de maio. O horário dos confrontos será confirmado durante a semana pela Federação de Futebol do Distrito Federal.
Com a classificação, Brasiliense e Ceilândia serão os representantes do Distrito Federal na Série D do Brasileiro em 2018. A dupla garante também participação na Copa do Brasil do mesmo ano. Já Paracatu e Sobradinho, eliminados na semifinal, terão o direito de disputar a Copa Verde de 2018.

Brasiliense e Ceilândia vão disputar a final do Candangão 2017. As equipes venceram seus compromissos neste domingo (23/4), contra Sobradinho e Paracatu, respectivamente, e voltam a decidir o campeonato local após sete anos. Em 2010, o Gato Preto levou a melhor sobre o Jacaré.

No Mané Garrincha, o Brasiliense superou o Sobradinho por 4 x 1. Somando o triunfo da primeira partida da semifinal, acumulou 6 x 2 no placar agregado. O Ceilândia, por sua vez, encontrou mais dificuldades. Precisou virar sobre o Paracatu, no Abadião, por 2 x 1, para carimbar a vaga na decisão do campeonato pelo segundo ano consecutivo. O jogo de ida, no interior mineiro, terminou empatado em 1 x 1.

As finais do Candangão 2017 serão disputadas no Mané Garrincha nos dias 29 de abril e 6 de maio. O horário dos confrontos será confirmado durante a semana pela Federação de Futebol do Distrito Federal.
Com a classificação, Brasiliense e Ceilândia serão os representantes do Distrito Federal na Série D do Brasileiro em 2018. A dupla garante também participação na Copa do Brasil do mesmo ano. Já Paracatu e Sobradinho, eliminados na semifinal, terão o direito de disputar a Copa Verde de 2018.

"Trabalhamos forte durante todo o campeonato. O objetivo era chegar à final. Agora que estamos nela, vamos lutar pelo título", disse Rafael Toledo, técnico do Brasiliense.

Brasiliense domina o Sobradinho
A vantagem construída no primeiro jogo da semifinal foi bem aproveitada pelo Brasiliense. O time conseguiu dominar o Sobradinho e abriu o marcador logo aos 10 minutos, com Nunes, após passe de Marcio Diogo. No lance seguinte, o time teve a chance de ampliar em cobrança de pênalti sofrido por Nunes. O experiente meia Souza cobrou mal e o goleiro Leonardo aproveitou para espalmar a bola.

O Sobradinho ensaiou uma reação e quase chegou ao empate com o zagueiro Gonzaga. O primeiro tempo reservava mais emoções. Após cobrança de escanteio de Souza, o zagueiro Preto Costa ampliou o marcador. Já aos 45, China descontou para o Sobradinho em falha do goleiro Andrey.

Na segunda etapa, o Brasiliense continuou melhor. Nunes fez o terceiro em cobrança de pênalti aos 18 minutos, placar que encaminhava o time de Taguatinga para a final. A partida, digna de semifinal, ainda teve mais um gol do Jacaré, com Patrick, e a expulsão de Nunes, que está fora da primeira partida da decisão.

Ficha técnica

Brasiliense 4
Andrey (Pereira); Patrick, Preto Costa, Wallace e Gerson; Aldo, Gabriel (Peninha) e Souza (Acerola); Reinaldo, Nunes e Márcio Diogo
Técnico: Rafael Toledo

Sobradinho 1
Leonardo; Andrézinho, Gonzaga, Alex (Lucas) e China; Thiago, Péricles, Gago (Wilker) e Kelvin (João de Deus); Betinho e Paulo Henrique
Técnico: Augusto Cesar

Gols: Nunes, aos 10, Preto Costa, aos 37, e China, aos 45 minutos do primeiro tempo. Nunes, aos 18, e Patrick aos 48 minutos do segundo tempo.
Estádio: Mané Garrincha, em Brasília
Árbitro: Cristiano Nascimento

Veja mais notícias sobre: 2017 & Campeonato Candango